Speedo Elite Team/Future Team

especiais

17/03/2012

SUL-AMERICANO ABSOLUTO

DIÁRIO DO COACH - SEXTA-FEIRA, 15 DE MARÇO DE 2012

Divulgação

Logo oficial do Sul-Americano 2012

Autor • Alex Pussieldi direto de Belém
Fonte • Best Swimming

 

Sexta-feira, 16 de março de 2012, o dia mais dourado do Sul-Americano de Belém, nove em 10 provas, um dia muito bom para o Brasil.

* Começaram as maratonas aquáticas. Fui almoçar na região da Docas, ao lado do pórtico de chegada da prova dos 5 quilômetros, e fiquei impressionado com a força da correnteza. Sem surpresas para a prova ter durado apenas 40 minutos.

* Ana Marcela destruiu as adversárias vencendo com três minutos de vantagem. No masculino, o equatoriano Ivan Enderica é bi campeão sul-americano. Ele começou nas águas abertas há apenas dois anos e tem crescido muito. Tive o prazer de ser seu técnico há alguns anos e vejo nele um grande futuro. É treinado pelo primo Juan Enderica e tem outro primo, Esteban Enderica que foi bronze nos 200 medley ontem na piscina.

* Samuel de Bona foi o melhor brasileiro nas maratonas. Chegou em segundo lugar. É a prova favorita de Samuel. No domingo tem a prova dos 10 quilômetros.

* As chuvas tem sido esparsas e durante o dia. Que bom que já são dois dias de finais sem chuvas. Os atletas agradecem.

* Albert Subirats, maior estrela venezuelana, deixa o Sul-Americano de Belém sem ouro. Foi bronze nos 50 borboleta e prata nos 100 borboleta. Recuprando-se da cirurgia no ombro feita em novembro, volta para os Estados Unidos na próxima semana para a fase final do seu treinamento visando a Olimpíada.

* O locutor Carlos Magno Simões tem sido o grande animador da fanática torcida paraense. Magno dá voltas e voltas ao redor da piscina durante o aquecimento agitando a torcida. Está fazendo um trabalho muito bom.

* Falando em público, somente nas eliminatórias de hoje que não estava cheio. Até foi surpresa, mas na final, lotou quando ainda faltavam 45 minutos para iniciar as finais.

* A inclusão dos nadadores extras nas eliminatórias foi uma excelente alternativa para os treinadores e atletas. Principalmente pois tem gente que está na competição treinando e se preparando para eventos futuros. Movimentou e não atrapalhou em nada o andamento da competição. Em compensação, os tempos alcançados não são oficiais.

* O Perú celebra o seu segundo índice B para a Olimpíada. O jovem Mauricio Fiol agora fez 53:65 nos 100 borboleta repetindo o feito do dia anterior com os 2:00:85 na prova dos 200 borboleta. Muito contente, mas muito contente mesmo está o treinador brasileiro Reinaldo Dias.

* Interessante que os dois treinadores brasileiros "estrangeiros", Reinaldo Dias do Peru e Angelo Camarossano estão travando uma árdua batalha na pontuação pelo quinto lugar da competição. Ambos se alternam o tempo todo. Sendo que a briga é mais dos dirigentes do que deles, os dois querem mesmo é medalhas! 

Comente agora!

Seu nome:

Quem já comentou...

Nenhum comentário ainda...

leia mais