Speedo Elite Team/Future TeamClique na imagem para mais detalhes

breaking news

24/04/2012

TROFÉU MARIA LENK 2012

PRIMEIRO DIA DE FINAIS - PROVA A PROVA

Autor • Alex Pussieldi direto do Rio
Fonte • Best Swimming

 

200 livre feminino -

Apenas a dinamarquesa Lotte Friis conseguiu quebrar a barreira dos 2 minutos. Venceu com 1:59:65 e com grande comemoração da galera do Corinthians por ter nadado abaixo dos 1:59:78 de Monique Ferreira, o recorde sul-americano.

Manuella Lyrio fez uma bela prova e marcou 2:00:27 com Laure Manaudou chegando em terceiro com 2:00:43.

Uma boa prova com Joanna Maranhão chegando em quarto lugar com 2:00:90, Jessica Cavalheiro em quinto com 2:00:99 e Larissa Oliveira 2:01:96. O time feminino do Brasil deve fazer bonito neste 4 x 200 livre. É, sem dúvida, o melhor revezamento do Brasil.

 

200 livre masculino -

Ninguém nadou nem chegou perto para o índice olímpico, mas a vitória de João de Lucca deixou ele animado em conseguir os 1:47:63. Venceu com 1:48:26 utilizando uma estratégia diferente do que fez pela manhã. Agora, atacou no final e deixou Nicolas Oliveira em segundo com 1:48:29. Este, também passou fraco e deixou o americano Charlie Houchin nadando pelo Minas liderar quase a prova toda. Ficou em terceiro com 1:48:83. Rodrigo Castro chegou num distante 1:49:75 e o resto todo mundo nadou para acima de 1:50.

João de Lucca vai tentar a marca novamente na abertura do revezamento. Nicolas não falou nada mas também se espera o mesmo. Ou, daqui a duas semanas na Tentativa Olímpica.

 

50 costas feminino -

A saída de Fabíola Molina não foi boa, mas a chegada foi animal. A volta da suspensão e sua primeira vitória com 28:74 levando o título da prova no toque contra os 28:81 de Etiene Medeiros e 28:91 de Laure Manaudou.

Etiene com seus 28:60 feitos na eliminatória teria vencido a prova se repetisse a marca na final.

 

50 costas masculino -

O primeiro recorde sul-americano do Troféu Maria Lenk 2012. Daniel Orzechowski já havia marcado o melhor tempo do mundo nesta temporada com 24:66 feitos na eliminatória. Na final, ainda melhor, 24:44 novo recorde sul-americano superando os 24:49 de Guilherme Guido  feitos no Mundial de Roma em 2009, com Jaked, é claro.

Guido chegou em segundo com 24:82, somente os dois nadaram para 24. Guido bateu mais uma vez na raia, principalmente nos metros finais de prova.

O americano Eugene Godsoe, nadando pelo Flamengo, chegou em terceiro lugar com 25:01.

 

200 peito feminino -

Uma bela prova e excelente disputa para um novo talento aparecendo para a natação brasileira. Pâmela Alencar Souza de 16 anos, conquistou sua primeira medalha e primeira de ouro em campeonatos nacionais absolutos. Pela manhã, já havia baixado sua melhor marca em dois segundos, na final foram mais quatro e o tempo de 2:31:66. Uma boa disputa contra a argentina Julia Sebastian, atual campeã sul-americana da prova que ficou em segundo nadando na raia 8 com 2:32:61. O bronze sobrou para Juliana Marin do Minas com 2:34:87.

 

200 peito masculino -

A prova mais esperada da noite com vitória de Tales Cerdeira que consolidou sua classificação olímpica. Tales ainda fez vários testes para ver se nadava ou não a prova. Sua lesão é bastante séria mas a decisão veio poucos minutos antes e ele nadou para vencer com 2:12:40. Felipe Lima ficou em segundo com 2:12:62, sua melhor marca pessoal. Henrique Barbosa chegou em terceiro com 2:13:52.

Henrique e Tales são os dois primeiros nadadores classificados e confirmados para Londres. Companheiros de Pro 2016 e Flamengo, os dois vão estar juntos em toda a preparação até a Olimpíada.

 

1500 livre feminino -

Lotte Friis chegou perto do recorde de campeonato mas não deu para dar mais pontos para o Corinthians. Corinthians que venceu três provas femininas no primeiro dia de disputas, duas com Friis. Marcou 16:11:76, o recorde de campeonato era 16:11:40 de Kristel Kobrich feitos em 2009. O tempo é o segundo melhor do mundo em 2012. A argentina Cecilia Biaggioli chegou em segundo e quebrou o seu próprio recorde argentino da prova (16:25:84) marcando 16:13:04, quarto tempo do mundo em 2012.

Poliana Okimoto chegou num distante terceiro lugar com 16:47:37.

Biaggioli, assim como Poliana, já está classificada para Londres nas águas abertas e veio para o Maria Lenk afim de tentar fazer a marca A na prova dos 800 livre.

Comente agora!

Seu nome:

Quem já comentou...

carlos oliveira comentou em 25/04/2012, 12:48:

pamela!!!!!!!!
rs

carlos oliveira comentou em 25/04/2012, 12:48:

acho que o tempo da Paloma é o melhor pós-traje.......afinal alguma luz na prova........

Roberto Falcão Palhares comentou em 25/04/2012, 10:41:

Parabéns a Manuella Lyrio, que vem melhorando consistentemente. Jessica Cavalheiro e Larissa Oliveira também. Logo teremos um revezamento nadando abaixo dos 8 minutos.

coach Rodrigo comentou em 25/04/2012, 1:59:

Coach, Pamela é Júnior 2, primeiro ano. 17 anos ou 18 anos.

fabiana comentou em 24/04/2012, 23:38:

pamela alencar tem 18 anos,e nao eh sua primeira medalga em absoluto..ano passado no open ficou em 3

leia mais